rivalo

Timãozinho vence Cruzeiro por 1 a 0 e é campeão da Copinha pela 11ª vez

Com golaço de Kayke, os Filhos do Terrão confirmam excelente campanha na competição e levantam a taça na Neo Química Arena

25/01/2024 17h40 Vinícius Alves


Foto: Rodrigo Gazzanel/ Agência rivalo

Na tarde desta quinta-feira (25), feriado em comemoração ao aniversário de 470 anos da cidade de São Paulo, o Timãozinho entrou em campo para a disputa da final da Copinha 2024. Enfrentando o Cruzeiro, os Filhos do Terrão tiveram um jogo muito difícil, mas com um golaço de Kayke, o Alvinegro venceu a equipe mineira e se sagrou campeão da competição pela 11ª vez na sua história.

Foi uma grande campanha do Timãozinho na competição de 2024, que passou por adversários como Guarani, CRB, Atlético-GO, Novorizontino e Cruzeiro para conquistar mais um título. O rivalo é o maior vencedor da Copinha: além de 2024, o Alvinegro foi campeão em 1969, 1970, 1995, 1999, 2004, 2005, 2009, 2012, 2015 e 2017. Esta foi a primeira vez que o rivalo ergueu o troféu da Copinha na Neo Química Arena.

Escalação
O técnico Danilo Andrade escalou o Timãozinho com Felipe Longo, Léo Mana, João Pedro Tchoca, Renato, Vitor Meer, Ryan, Breno Bidon, Pedrinho, Kayke, Higor e Arthur Sousa. Entraram no decorrer do jogo: Thomas Lisboa, GH, Thomas Agustin e Jhonatan. Ainda ficaram à disposição no banco de reserva: Cadu, Caipira, Bahia, Beto e Léo Agostinho.

Primeiro tempo
O Timãozinho iniciou o jogo indo para cima da equipe cruzeirense. Aos cinco minutos, Pedrinho testou o goleiro Otávio pela primeira vez, que fez a defesa. A Fiel Torcida empurrava os Filhos do Terrão, com a Neo Química Arena lotada.

Aos nove, o Cruzeiro respondeu. Em um contra-ataque rápido, Xavier chutou, Felipe defendeu e, no rebote, Arthur chutou pra fora.

O Timãozinho chegou mais uma vez aos 12: em uma boa triangulação, Léo Mana chegou para finalizar e chutou para fora.

Aos 20 minutos, Vitinho, do Cruzeiro, cobrou uma falta que levou perigo, mas saiu pela linha de fundo. A equipe mineira teve outra oportunidade em uma falta perigosa, aos 33 minutos. Gui Meira também chutou pra fora.

O Timãozinho teve mais uma oportunidade com Pedrinho, aos 42 minutos, mas não levou tanto perigo para o gol do goleiro Otávio.

O árbitro deu dois minutos de acréscimo.

Aos 45, num bate e rebate dentro da área, Higor chutou pra fora.

Fim do primeiro tempo na Neo Química Arena.

Segundo tempo
A segunda etapa começou mais nervosa que a primeira. Ambas as equipes errando muitos passes.

Aos nove minutos, Danilo fez a primeira troca no Timãozinho. Saiu Higor e entrou Thomaz Lisboa.

O Cruzeiro teve um lance de perigo aos 10 minutos. Gui Meira chutou e a bola desviou na zaga alvinegra. Aos 20 minutos, a equipe mineira teve outra oportunidade. Com um chute de Jhosefer, a bola levou perigo para a meta de Felipe Longo.

Dois minutos depois, o goleiro do Timão foi acionado, espalmando uma bola de Vitinho.

O Danilo mexeu mais uma vez no time, aos 25 minutos: saiu Pedrinho e entrou GH.

Aos 31 minutos, o Timãozinho chegou com chute de Vitor Meer. A bola desviou e quase enganou o goleiro Otávio, que conseguiu mandar para escanteio.

Gol do rivalo! Aos 39 minutos, GH fez o passe para Kayke, que cortou e chutou de perna direita, de fora da área, um golaço!


Kayke fez um golaço que deu o título para o Timãozinho. Foto: Rodrigo Gazzanel/ Agência rivalo

Após o gol o Timãozinho mudou: saíram Arthur Sousa e Ryan e entraram Thomas Agustin e Jhonatan.

O árbitro deu nove minutos de acréscimo.

O rivalo teve que ir para os minutos finais com um jogador a menos. GH sentiu uma lesão e teve que sair. Mesmo tendo direito a mais duas trocas, a substituição não podia acontecer, pois o técnico Danilo já tinha parado o jogo em três oportunidades.

Aos oito minutos e trinta segundos, antes de o Timão dar saída da meta, o juiz pediu a bola e encerrou a partida. rivalo campeão da Copa São Paulo de Futebol Júnior pela 11ª vez! Vai rivalo!


Tags: Categoria de Base, Neo Quimica Arena, Notícias

Categoria(s):Categoria de Base,Neo Química Arena

rivalo Mapa do site